Arquivo

Artigos com Etiquetas ‘trabalhos’

Clarear Trabalhos Feitos Para Separar Casal

2, Maio, 2011 Vidências 59 comentários

Falando um pouco sobre se é possível clarear trabalhos feitos para separar casal pode-se dizer que sim, é possível mas não sem ter os seus possíveis efeitos indesejáveis, até mesmo contra quem quer clarear os trabalhos e pensa agir pelo bem.

Clarear Trabalhos Feitos Para Separar Casal.

E porque isto acontece? Bom, veja que quem faz trabalhos para separar casal usa feitiços que podem ser mais ou menos poderosos (e logo mais ou menos fáceis de contrariar) de forma a conseguir que determinadas entidades espirituais influenciem a vida das pessoas que devem ser separadas.

Os feitiços para separar casal

Estes feitiços, embora normalmente funcionem sem problemas levando o seu devido tempo, podem, no caso de algo ser mal feito, voltarem-se contra quem fez o mandou fazer o trabalho. Quando isto acontece, a pessoa acaba por sofrer mesmo fisicamente ou mentalmente ou ambos, e frequentemente tem plena consciência da razão pela qual está a sofrer: porque mexeu com energias más, energias negras, que não deveria ter mexido.

Agora pense no que se vai fazer ao tentar clarear trabalhos feitos para separar casal que é basicamente usar outro feitiço para contrariar ou contra-atacar ou anular, ou como queira chamar, o feitiço que foi feito antes.

Ora, as energias e os espíritos envolvidos não são brinquedos que você pode jogar de um lado para o outro à sua vontade. Eles farão o que lhes pede, se for do agrado deles e se você de facto se entregar, totalmente, ao trabalho que faz e a eles. Para fazer um trabalho de energia negra você deve querer se entregar a essa energia negra.

Por outro lado, lembre-se de que está a influenciar e a alterar os destinos das pessoas envolvidas. De novo. Isto sempre pode vir a ter más consequências para todos os envolvidos e acabar por causar sofrimento e mal estar, embora no caso das pessoas influenciadas pelos feitiços estas nunca saibam a razão verdadeira pela qual estão a sofrer.

Então se quer mesmo fazer trabalhos para combater outros trabalhos, juntar pessoas separadas por trabalhos feitos ou separar pessoas que foram amarradas através de outros trabalhos, pode fazer desde que compreenda os riscos. E aceitar as possíveis más consequências que daí possam surgir no futuro.